Por Fabiana Terra *

As mulheres hoje em dia são muito independentes, acordam cedo, levam as crianças para a escola, vão para o trabalho, têm funções semelhantes às dos homens. Elas lideram equipes, possuem altos cargos, têm que cuidar da casa, do marido que chega em casa (e quer atenção da mulher), da lição de casa das crianças, do jantar… ufa!!!

Será que uma mulher destas deixaria ser conduzida por um homem numa aula de dança?

Esta é a grande dificuldade que encontro. Mulheres independentes que chegam na sala de aula e possuem extrema dificuldade em serem “controladas” por um homem. Ainda mais que este nem sempre está preparado para lidar com mulheres fortes.

Mas sobre isso já falei aqui. [leia mais]

Leveza, movimento, brilho e entrega...

 

Será que esta mulher forte, inteligente, ágil e desenvolta quer ser assim o tempo todo?

Acredito que não. Toda mulher tem seu lado frágil, doce, carente, que precisa de um elogio, de alguém que decida por ela das coisas mais simples como o que comer em um restaurante, que a pegue nos braços e a faça sentir segura.

Ainda que seja forte e capaz, ela quer alguém que seja mais forte que ela, em determinado momento, para que seja simplesmente mulher: feminina, delicada, vaidosa e sensual.

Ah a sensualidade!! Homens adoram esta parte na mulher.

Muitas mulheres têm vergonha de serem sensuais. A dança de salão ajuda muito a mulher a se resolver com este assunto. Uma mulher vulgar é bem diferente de uma mulher sensual. Sensual é aquela mulher que instiga o homem sem entregar o ouro. Que mexe os quadris sem ser sexual, sendo apenas feminina, talvez provocadora.

Mas acredito que na dança a mulher se “solta” muito mais por ela do que para conquistar alguém. A conquista é uma consequência.

Se uma mulher não se entrega e faz o seu papel a dança fica feia, truncada e vira uma briga de poderes. Seria lindo vê-la render-se aos braços do cavalheiro e espalhar seu brilho pelo salão com movimentos leves, gentis e alegres. E isso só pode acontecer se ela estiver despreocupada nos braços do homem.

Na dança a mulher não tem que provar nada para ninguém, não precisa ser forte, muito pelo contrário, ela precisa saber “ouvir” e se render com seu corpo. A maneira que vai executar os movimentos propostos é ela quem decide. E aí que a mulher brilha.

O homem diz o que a mulher deve fazer, mas o como é ela que decide. Essa é a dança entre homem e mulher.

Mas para uma mulher poder se sentir sensual e decidir o “como fazer ” precisa de uma autoestima elevada. Muitas mulheres apesar de parecerem duronas no dia-a-dia, na “vida real” e íntima são inseguras. Essa mulher insegura vai hesitar com seu corpo, seu jeito, seus desejos e  tudo o mais. Ao se sentir frágil, o caminho que ela encontra é o de culpar o homem pelos seus erros. ELE que não sabe a conduzir, ELE que não tem atitude ou ELE que não sabe o passo que quer fazer.

Aquela mulher poderosa, confiante e independente tem controle de tudo. Ela não erra! Será?

Eu acho maravilhoso ser mulher, poder ser forte quando tem que ser, mas também delicada e frágil quando puder e quiser. Tem coisa melhor?

 

 

Dançarina, coreógrafa e professora da Cia. Terra, coordenou os ensaios e coreografias da Dança dos Famosos no Faustão. Tem ajudado com seu ritmo, simpatia e técnica apurada a fazer homens e mulheres dançarem com mais leveza e vivacidade nos salões (e na vida) pelo Brasil afora. No twitter @fabiterra / Site e contatos:http://www.fabianaterra.com/ No Facebook é só curtir

 

____________________

Outros artigos relacionados

A arte de conduzir uma mulher com os pés

Série Pare!

O que falar para alguém que está prestes à morrer? – Nota de falecimento de R.

O carinho de uma mulher

Uma mulher dá sempre jeito na vida de um homem

Quando um homem vira um cafajeste

7 coisas que revelam a infantilidade de uma mulher

5 coisas que um homem pode aprender com uma mulher

Guerreiro sábio – Homem do terceiro estágio

O ganharao – Homem do primeiro estagio

O sensível – Homem do segundo estágio

Como desenvolver a energia masculina

A Amélia – Mulher do primeiro estágio

A Guerreira – Mulher do segundo estágio

Plena – Mulher do terceiro estágio

Não leve uma mulher muito à sério

A grande tristeza de uma mulher – leitura exclusiva para homens

O que uma mulher madura espera de um homem!

Como voltar a ter confiança depois de tanta desilusão amorosa?

Coisas estúpidas que uma mulher pode fazer por um homem

Ofereça o seu melhor para o Seu Amor

Coisas estúpidas que uma mulher pode fazer por um homem

8 sinais do término de um relacionamento amoroso

3 vilões dos relacionamentos: carência

3 vilões dos relacionamentos: apego

3 vilões dos relacionamentos: jogos de poder

Dificuldade em perdoar

“Você não vale nada mas eu gosto de você!”

 

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...