Pessoas 8 ou 80

Quando alguém me diz que é uma pessoa 8 ou 80 eu confesso que no íntimo fico compadecido dela. Mesmo não sendo partidário de ter dó esse sentimento me vem como um vento frio de manhã e fica em mim, não sei explicar.

Adoram dizer a verdade... Guarda essa pra você

A vida é tão preciosa em sua diversidade, amplidão, profundidade e variação que ao ouvir uma boca pomposa de si afirmar que só funciona nos extremos eu lamento por ver alguém que se acostumou com uma certa miséria emocional.

Essas pessoas costumam ser aquelas que se pregam autênticas, verdadeiras e nada dissimuladas. Se orgulham de não levar desaforo para casa ou engolir sapo. Seu vocabulário está recheado de TUDO e NADA, SEMPRE, NUNCA, TODOS, NINGUÉM. Se nossa maneira de viver se reflete (nos matizes) de nossa fala chego a conclusão de que alguém que se alimenta de falas radicais, entre topos e vales nunca caminhou suficientemente.

Como degustar cada minuto da existência humana usando apenas colher? Facas, garfos, pratos, copos, xícaras, aparadores, panelonas, panelinhas e tantas outras ferramentas podem ser eleitas para as deliciosas refeições que nos são apresentadas.

8 ou 80, e o número 1, 2, 3, 4, 27, 34, 49, 52, 68, 71, 86, 1000 e o infinito? Percebem quanto desperdício?

Que autenticidade é essa que só se manifesta com arroubos impetuosos de paixões avassaladoras ou ódios mortais?

Acho que pessoa 8 ou 80 tem receio de desacelerar e se desmanchar. Me parece aquele menino ansioso de transar que precisa colocar o pênis pra dentro se não broxa. A verdade árida que o extremista adora externalizar só acontece sob a “mágica” da raiva. Ele urra e sai batendo o pé, tem medo de olhar para os  olhos dos outros, desarmado, vulnerável, sem nenhum número cravado no peito. O extremista usa um dos mecanismos de defesa chamado formação reativa, tem tanto medo de não ser aceito que se joga com tudo, fechando os ouvidos para críticas.

Contar até dez é uma boa maneira de sair do 8 ou do 80 e descobrir outros números, possibilidades, desejos, pessoas e sentir um aroma mais amplo que só a pessoa que anda bem devagarinho (na opinião dele) pode captar.

O argumento supremo (e enganoso) é que a vida não tem sentido sem intensidade e dizer “gosto de ser assim”. Desculpe informar, não é gosto, mas falta de opção (ele está entupido emocionalmente), pois entre pólo Norte e o pólo Sul só um tolo se contentaria em viver na geleira e dizer que não existe nada além disso.

Mas os tolos estão aos montes por aí, mostrando o seu falso orgulho por ser um rei da baixaria poço de “honestidade”…

_____________________

Você vai gostar de ler também.

Faça reais escolhas na vida

 Deixe de levar a vida tão à sério
Pare de se preocupar com a opinião dos outros
Pare de boicotar sua vida
 Se arrisque mais
Tenha grandes aspirações
Não se faça de coitadinho
Você consegue mudar se souber que pode
Saiba o que você quer da vida
Aprenda a silenciar a mente
Tente ser feliz por 30 dias
Acabe com seus preconceitos
Abra sua mente
Pare de ser teimoso
Pare de economizar felicidade
Deixe de ser egocêntrico
Faça diferença nesse mundo
Adote pequenas mudanças
Saiba o que é maturidade emocional
Abandone o orgulho

About the author

Sonhador nato, psicólogo provocador, apaixonado convicto, escritor de "Como se libertar do ex" e empresário. Adora contar e ouvir histórias de vida. Nas demais horas medita, faz dança de salão e lava pratos.

Related posts

  • cristina

    …Me parece muito dificil que um ser humano possa pensar unica e exclusivamente come 08 ou 80. Mas, dizem que esse “tipo” existe. Ser radical nao serà nunca possivel para nòs pessoas, como seres unicos, pois somos, querendo ou nao, dotados de raciocinio e de consequencia, pensamos antes de decidir pelo sim ou pelo nao, a nossa cabeça coloca em açao todas as possibilidades ou nao? Segundo a minha opiniao, nao existe o 08 e o 80, simplesmente no fim do raciocinio logico decidimos, pelo Sim ou pelo Nao. Eu tiro essa conclusao, pelo Ser que eu sou. Tendo a raciocinar muito e decido. As minhas escolhas pra muitos podem parecer radicais, como um 8 ou um 80 mas na readlidade nao sao. Parabens pelo excelenbte artigo.

  • Vinicius

    Dizem que o meio termo é uma coisa ” ridicula ”…rs
    Sempre soube que nao!Agr eu entendo…

    hahahaha