O enigma da TPM

Sou um curioso nato e existe um tema que não me sai da cabeça por motivos óbvio já que estou o tempo todo lidando com mulheres, a TPM.

Entre na campanha por um mundo melhor

O Terrorismo Psicótico da Mulher é algo que vem sendo alvo da minha atenção há muito tempo. Fiz uma pequena enquete com as mulheres no Facebook e o resultado foi surpreendente, praticamente todas tinham algum tipo de alteração que poderia ser digna de internação grave.

Vou relatar alguns depoimentos e se eu estiver louco me avisem.

 

– De 0 (nada) a 10 (muito) qual o nível de alteração que rola?

A media básica foi 8

 

Qual a maior insanidade que já cometeram sob esse estado alterado de consciência? Que pecado já pagou na mão de uma mulher(no caso dos homens)?

Raspou o cabelo, viagem por 3 meses, violência no transito, mandar amigo se f.

– Ficam raivosas, deprimidas, carentes, frias, chatas?

Sensível, chora muito, filosófica, panico, frieza total chata, não se suporta, ansiosa, extremista, histérica, irritada, descontrole, grito, briga, xingamento, comer doce, raiva de tudo à volta, não se suporta, silencioso, carencia, devaneios, acusar os outros, vontade de ter uma metralhadora, sensação de estar estragada por dentro

– Como isso afeta o trabalho?

Chorar na frente do chefe, baixa produtividade

Como afeta o relacionamento amoroso?

Chateada e insatisfeita, sem libido, pausa emocional, quer parceiro perto mas sem proximidade

Qual o grau de controle que tem (aproveitam para deixar o reprimido vir à tona)?

80%

Percebem como isso realmente é assunto de utilidade pública? Mas fico me perguntando se algo que tem 80% de controle, mas que altera 8 pontos em formas descontroladas de emoções realmente é algo fora de controle.

Se há controle disso quando conveniente, porque em nenhum momento ela vira algo inconveniente?

Se existe chance de contornar, porque se entregar? Se a pessoa se sente insuportável, porque não atacar as bases daquilo que causa a insuportabilidade antes de entrar na TPM?

Sou a favor de uma autoanalise acompanhada de mudança de postura pessoal para haver prevenção de surtos de TPM. É uma alteração química? Concordo, mas aceitar que um estado químico crie problemas na vida pessoal seria como aceitar o álcool e seus efeitos na vida do homem.

Se toda a mulher sabe que vai ficar bêbada de hormônios deveria estar pronta para redimensionar suas prioridades e canalizar suas forças para evitar os desastres.

Acredito na livre vontade para lidar com os hormônios, caso contrários seremos reféns químicos.

Façamos uma campanha para diminuir as catasfrofes causadas por esses furacões?

______________________

Outros artigos relacionados

Mulheres independentes

Série Pare!

3 estágios da energia masculina e feminina

Uma mulher dá sempre jeito na vida de um homem

O carinho de uma mulher

Quando um homem vira um cafajeste

7 coisas que revelam a infantilidade de uma mulher

5 coisas que um homem pode aprender com uma mulher

Não leve uma mulher muito à sério

A grande tristeza de uma mulher – leitura exclusiva para homens

O que uma mulher madura espera de um homem!

Tags :

About the author

Sonhador nato, psicólogo provocador, apaixonado convicto, escritor de "Como se libertar do ex" e empresário. Adora contar e ouvir histórias de vida. Nas demais horas medita, faz dança de salão e lava pratos.

Related posts

  • rita

    Oi Frederico, de maneira geral sempre concordo com seus texto, mas esse da TPM, desculpe me…tentar prever as reações de uma mulher de TPM é tão dificil quanto prever uma erupção vulcanica…vc pode saber onde não deve morar…mas sempre tem um mané que constroe onde não podia e acaba sendo vitima, você pensa que pode criar maneiras pra se proteger, mas ninguem pode contra a força da natureza…a TPM é isso uma força da natureza… dentro da mulher..não há matematica, não há projeções para controlar…quando tudo colabora a “catastrofe” acontece…simples assim. A mulher batalha no nivel 8 em media pra que não aconteça…e conseguimos evitar 80% das tragedias…o caso é grave, tragico! Mas a natureza é assim mesmo…as veses é tragica…mas muitas veses…talvez 80%…esta trabalhando para evitar uma tragedia ainda maior.